10/01/2017 - 10h25min - Atualizado em 10/01/2017 - 10h25min

Concluído diagnóstico de disponibilidades hídricas para elaborar plano que definirá política de gestão das águas em Rondônia

O primeiro produto de um cronograma de tarefas a ser cumpridas até novembro de 2017, quando será concluído e aprovado o Plano Estadual de Recursos Hídricos (PERH)...

O primeiro produto de um cronograma de tarefas a ser cumpridas até novembro de 2017, quando será concluído e aprovado o Plano Estadual de Recursos Hídricos (PERH) de Rondônia foi concluído pela RH Engenharia e Consultoria SS Ltda., empresa que firmou contrato com o governo estadual para elaborar os estudos técnicos e o documento consolidado do plano.

pedras-negras_vale-do-guapore_foto_daiane-mendonca

Levantamento é parte da primeira etapa de um total de três, e preve o diagnóstico, prognóstico e cenários da utilização da água em Rondônia

Relatório apresentado à Coordenadoria de Recursos Hídricos da Secretaria de Desenvolvimento Ambiental (Sedam) indica que o levantamento, inventário e estudo dos recursos hídricos superficiais (córregos, rios e lagos), foi 100% finalizado.

Esse levantamento é parte da primeira etapa que preve o diagnóstico, prognóstico e cenários da utilização da água em Rondônia. “Agora a empresa trabalha na dinâmica social, que vai dividir o estado em unidades de planejamento para ver onde há demanda da população pelos recursos, crescimento populacional, conhecer o consumo, com participação pública, isto é, mobilização social, quando serão feitos questionários”, explicou o coordenador de Recursos Hídricos da Sedam, José Trajano dos Santos.

É nesta fase, com previsão de se encerrar em maio, que se terá uma avaliação integrada da situação atual dos recursos hídricos de Rondônia, estado que tem sete bacias hidrográficas: rios Guaporé, Mamoré, Abunã, Madeira, Jamari, Machado e Roosevelt, divididas em 42 sub-bacias. A principal delas é a do rio Madeira. É quando também se terá uma análise das tendências de evolução da demanda por água das nossas baciais.

Segundo Trajano, funcionários dos 13 escritórios da Sedam em Rondônia irão contribuir com informações e na aplicação dos questionários. A segunda etapa, conforme o contrato assinado em novembro com a RHA, empresa de Curitiba (PR),  engloba diretrizes, programas e metas, também com participação popular, com prazo de três meses de trabalho, de junho a agosto de 2017.

A última etapa, consolidação do PERH, é prevista para setembro, outubro e novembro.  É quando se terá o documento consolidado do plano, uma minuta do projeto de lei que instituirá o PERH, banco de dados com informações sobre ele e a ocorrência de um seminário estadual para lançamento do plano.

“O Plano Estadual de Recursos Hídricos nos dará subsídios para fazer uma espécie de zoneamento do uso da água, e futuramente o estado irá se instrumentalizar com uma lei própria para fazer a cobrança do uso da água, conforme prevê lei nacional”, disse Trajano.

Disciplinar o uso da água, bem público da União, é importante mesmo na região amazônica, onde o recurso é superior às outras regiões do país, porque o mau uso causa escassez ou falta de água.  É o que já acontece, segundo o coordenador da Sedam, em Rolim de Moura, Alta Floresta, Cacoal e Nova Brasilândia.

Trajano ilustrou que irrigação de café capta muita água, e sem um controle afeta a jusante de rios, causando a falta de água para comunidades que vivem próximas a atividades econômicas que exigem grande consumo do produto.

“O plano vai nortear a forma como a captação da água em determinada região deve ser feita para não prejudicar a jusante, quanto de água um empreendimento poderá represar, considerar a vazão da água. O plano irá possibilitar que o estado adote política para disciplinar o uso, para melhorar cada vez mais a vazão ecológica da água, recuperar matas e nascentes, e assim melhorar a oferta da água”, destacou José Trajano.

CUSTO DA ÁGUA

O Brasil concentra 13% de toda a água doce do planeta. A nossa reserva soma 1,248 trilhão de metros cúbicos de água em reservatórios superficiais e aquíferos subterrâneos. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) deverá divulgar em breve quanto cada atividade econômica, cada produto, cada pessoa consome desse estoque de água. No futuro, a este ousado projeto serão calculadas contas ambientais envolvendo cálculo para energia, floresta e uso da terra.

 

Fonte
Texto: Mara Paraguassu

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
GERAL | matéria escrita em 22/02/2017 ás 11:13:00

Após tentativa de censura a livros didáticos, prefeito e vereadores de Ariquemes são processados

Censuraram livros e estimularam a homofobia: Município de Ariquemes, o prefeito Thiago Flores e sete vereadores estão sendo processados pelo Ministério Público Federal (MPF) e Estadual (MP/RO) em uma ação civil pública.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 10:17:00

Dr Hildon Chaves diz que principal legado que deixará é gestão eficiente

Prefeito diz que encontrou estrutura organizacional "subsaariana" na prefeitura.

GERAL | matéria escrita em 22/02/2017 ás 10:12:00

Programa para fazer declaração do IR estará disponível nesta quinta-feira

A declaração é obrigatória para quem recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70; quem recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40 mil...

GERAL | matéria escrita em 22/02/2017 ás 10:11:00

Receita pedirá e-mail e número de celular na declaração de IR deste ano

A partir das 9h de amanhã (23), o programa de geração da declaração já poderá ser baixado pela internet e o envio será liberado a partir das 8h do dia 2 de março.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 09:34:00

Em Linhas Gerais-Gessi Taborda

Deixaram a cidade na margem do perigoso abismo.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 09:22:00

Câmara tipifica crime de exposição de fotos íntimas na internet

Para o autor do projeto, a Câmara está ajudando a fazer justiça com as mulheres que são violentadas com a divulgação de imagens de sua intimidade.

GERAL | matéria escrita em 22/02/2017 ás 09:19:00

Prefeitos do Cone Sul de Rondônia recebem recomendação do MPF/RO

Órgão orienta novos prefeitos a não cometerem atos ilícitos por inexperiência na gestão municipal.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 09:17:00

Deputado Lúcio Mosquini comemora suspensão da importação de café robusta

A importação de café do Vietnã poderia trazer graves prejuízos aos produttores rondonienses, além dos riscos sanitários.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:24:00

Vereador chama deputado estadual de preguiçoso e falastrão

Valdemir Caldas

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:22:00

Para Cármem Lúcia, todos os promovidos por merecimento devem mesmo merecer

Segundo a ministra, nas promoções por merecimento na magistratura brasileira, é preciso reduzir tanto quanto possível o voluntarismo – ou seja, a escolha de magistrados sem fundamento em critérios objetivos.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:20:00

Tribunal admite primeiro incidente de assunção de competência em recurso especial

O relator do recurso, ministro Marco Aurélio Bellizze, propôs a assunção de competência para que o caso seja julgado na Segunda Seção.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:17:00

2ª Turma: Compete à Justiça Federal julgar ação sobre licença-prêmio a juiz do Trabalho

No caso dos autos, um juiz do Trabalho vinculado ao Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (PR) ajuizou a ação contra a União perante a Justiça Federal e fundamentou seu pedido de licença-prêmio com base na simetria entre a sua carreira...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:14:00

1ª Turma: ICMS com base reduzida não gera crédito

Segundo o tribunal de origem, está em jogo o regime de tributação favorecido às empresas prestadoras de serviço de transporte consistente na redução da base de cálculo para o percentual de 80%...

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:13:00

2ª Turma rejeita recurso e determina abertura de ação penal contra Gleisi Hoffmann e ex-ministro Paulo Bernardo

A Turma recebeu denúncia em julgamento realizado em setembro do ano passado, a fim de investigar na possível destinação de R$ 1 milhão de origem ilegal para a campanha da senadora em 2010.

POLíTICA | matéria escrita em 22/02/2017 ás 08:05:00

Deputado Cleiton Roque disponibiliza R$ 45 mil para a Asejur

Veículo ajudará a Associação de Jovens e Estudantes Rondônia a acompanhar os jovens aprendizes.

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2017 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com