08/11/2016 - 12h01min - Atualizado em 08/11/2016 - 12h01min

Sindicatos se reúnem com deputado federal e Sintero cobra audiência com a comissão

Presidentes e diretores de vários sindicatos de servidores públicos estaduais participaram de uma reunião com o líder da bancada federal de Rondônia, deputado Nilton Capixaba para discutir a situação da transposição.

 (Foto: Secretaria de Imprensa)         Foto: Secretaria de Imprensa

Presidentes e diretores de vários sindicatos de servidores públicos estaduais participaram ontem, dia 07/11, de uma reunião com o líder da bancada federal de Rondônia, deputado Nilton Capixaba, para discutir a situação da transposição.

Na oportunidade todos os sindicalistas reclamaram da demora na divulgação das listas de servidores que estão passando para o quadro federal e da adoção de procedimentos pela comissão dos Ex-Territórios que estariam atrasando o processo.

O presidente do Sintero, Manoel Rodrigues, disse ao deputado que a comissão havia prometido acelerar os trabalhos e publicar uma certa quantidade de nomes por semana. “Hoje vemos que o resultado está muito longe do que foi prometido. Tem servidores que receberam a carta informando o deferimento da transposição há vários meses, mas não tem os nomes publicados no Diário Oficial. E quando sai no Diário Oficial demora mais dois ou três meses para entrar em folha. Essa é uma espera longa e angustiante que não deveria estar acontecendo”, disse Manoel.

O secretário de Assuntos Jurídicos do Sintero, Nereu Klosinski, disse que algumas práticas adotadas pela comissão estão atrasando ainda mais os trabalhos. “De repende eles resolvem reanalisar sem necessidade processos que já haviam sido analisados. Resolvem repassar todo o serviço que já havia sido feito. E isso parece ser de propósito para protelar ao máximo a transposição”, disse.

Depois de ouvir as reclamações e duras críticas, o deputado federal Nilton Capixaba relatou uma série de dificuldades enfrentadas para se resolver qualquer coisa em Brasília.

Segundo ele, a comissão dos Ex-Territórios reclama que a representação do governo federal em Rondônia não colabora com a agilidade dos trabalhos, não fornece as informações quando solicitadas e dificulta o acesso a documentos.

Ele sugeriu a realização de uma reunião dos sindicatos com a Samf, o governo do estado, a comissão dos Ex-Territórios e a bancada federal com a finalidade de identificar onde está o problema e buscar uma solução.
O presidente do Sintero, Manoel Rodrigues da Silva, cobrou uma audiência urgente dos sindicatos e da bancada federal com a comissão dos Ex-Territórios.

O deputado ficou de procurar nesta semana a comissão e a Casa Civil da Presidência da República para marcar uma reunião.

Fonte: Sintero

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Avatar de RAIMUNDO PEREIRA COSTA

Postado por RAIMUNDO PEREIRA COSTA em 09/11/2016 às 11:19

reuniao que serve so para sindicalista receberem diarias dos sindicatos...pois essa comissao...ta mais devagar quase parando...as publicaçoes dos nosmes dos servidores que ja sairam nas atas de 2016 ainda nao foi publicada nenhuma...pelo andar da carruagem...nao se sabe quando isso vai acontecer...estamos a mercer do pessoal de brasilia...que publicam de acordo com suas conveniencias...

177.15.120.2
Avatar de SILVIO MARAN

Postado por SILVIO MARAN em 08/11/2016 às 15:30

O Sintero deveria dar uma solução é para os téc. Educacionais que tem direito a ação do salário minimo, não saiu na lista dos precatórios, e estão todos perdidos, sem saber o que fazer. Por favor SINTERO se pronuncia em favor dos técnicos que não vaõ receber. Vai ter Uma nova ação? ou Vamos ter que ptocurar nossos direitos.

200.101.57.148

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2017 ás 17:30:00

Resenha política

Robson Oliveira

GERAL | matéria escrita em 24/01/2017 ás 15:55:00

Viaje no tempo e conheça a Porto Velho de 100 anos atrás, "Uma Cidade à Far-West"

"Quem pisa pela primeira vez Porto Velho tem a sensação de estar pisando uma dessas cidades cinematográficas, construídas, armadas e povoadas por todos os materiais e por todas as gentes no far-west da grande República do pavilhão estrelado".

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:36:00

Professor acusado de pedofilia tem liminar negada

Um professor de informática acusado de prática de pedofilia contra aluno de 13 anos deve continuar preso preventivamente.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:34:00

Valor do DPVAT será descontado de indenização a idosa que se acidentou em ônibus

O juiz de primeira instância julgou improcedente o pedido de indenização.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:32:00

Defensor público só pode ser designado após esgotamento de tentativas de localizar acusado

A presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Laurita Vaz, deferiu pedido de liminar para determinar a realização de diligências para localizar uma mulher acusada de cometer crimes de injúria e difamação.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:31:00

Furto de celular em hospital não gera dano moral

O furto de aparelho celular do paciente no interior do hospital onde estava internado não é suficiente para gerar dano moral.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:25:00

Presidente do TJRO apresenta relatório de atividades da presidência no ano de 2016

A maioria das propostas do Plano de Gestão do Biênio 2016-2017 foi cumprida e as demais estão em andamento.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:19:00

Desembargador do TJ manda processo para Vilhena e ex-prefeito deve retornar à cidade 

Rover passa a responder a processo em primeira instância.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:14:00

Rondônia participa de debate sobre a erradicação do trabalho escravo no Brasil

Um novo passo foi dado na direção da erradicação do trabalho escravo no Brasil.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:10:00

Seduc abre mais de quatro mil vagas para novos alunos em Ji-Paraná e região

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) abriu 4.321 vagas para novos alunos que desejar estudar na rede pública estadual a partir deste ano.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:04:00

Hospital Infantil Cosme e Damião recebe demanda de postos de saúde

Unidade deveria atender apenas alta complexidade.

GERAL | matéria escrita em 24/01/2017 ás 11:00:00

Estado assume gestão do Museu Histórico de Guajará-Mirim

O governo de Rondônia está reordenando o Museu Histórico de Guajará-Mirim para atendimento ao público. As novas adequações e serviços passarão a funcionar a partir de fevereiro.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2017 ás 10:57:00

Deputado estadual Anderson Pereira parabeniza Porto Velho pelos 102 anos

Leia a mensagem.

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2017 ás 10:53:00

Nomeações, apesar de tudo

Por Valdemir Caldas

POLíTICA | matéria escrita em 24/01/2017 ás 10:50:00

Feriado de quê mesmo?

Por ​Professor Nazareno

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2016 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com